quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Stojkovic defendeu dois penalties de Di María

Um derby é um derby, seja em Lisboa, Vila Real de Santo António ou em Pequim, seja num jogo de bilhar, futsal ou numa simples grande penalidade. Foi o que aconteceu nos Jogos Olímpicos, no confronto entre a Sérvia e a Argentina, que os sul-americanos venceram. E se no resultado o benfiquista Di Maria levou a melhor, perdeu de forma clara no confronto directo com o sportinguista Stojkovic. O guarda-redes defendeu dois penalties apontados pelo jogador do Benfica!

O 1-0 chegou mesmo de grande penalidade, aos treze minutos, com Lavezzi a bater Stoj, após Di María ter sido carregado em falta na área sérvia. Os sul-americanos colocaram-se à frente do marcador bem cedo e, com Di Maria entre os titulares, começava a garantir o primeiro lugar do grupo e o nono triunfo consecutivo em Jogos Olímpicos. Mas a confirmação chegou apenas no segundo tempo.

A Sérvia ameaçou a baliza de Romero, com o ex-V. Guimarães, Miljan Mrdakvic, na frente do ataque a dar trabalho o guardião argentino. Só que nos minutos finais do encontro, os sul-americanos iam garantir o triunfo, o terceiro da fase de grupos do torneio olímpico.

Aos 81 minutos o tal duelo entre Stojkovic e Di María. Lautaro Acosta foi derrubado na área e o juiz assinalou grande penalidade. O extremo do Benfica foi chamado a bater. Atirou para a esquerda de Stojovic e o guarda-redes do Sporting defendeu. O árbitro mandou repetir por Stoj ter-se mexido antes de a bola partir e, no segundo duelo entre os dois jogadores da partida, o sérvio voltou a levar a melhor sobre Di María, ao defender novo remate do argentino.

Depois de mais uma defesa brilhante, Stojkovic não conseguiu deter o livre de Diego Buonanotte. O esquerdino do River Plate, que chegou a ser conotado com uma mudança para o Benfica, atirou directo à baliza sérvia, o guarda-redes ainda voou, tocou na bola, mas foi incapaz de a desviar da baliza. O 2-0 foi mesmo resultado final.

Agora, nos quartos-de-final, a Argentina vai defrontar a Holanda.

Fonte: Mais Futebol

--------------------

Quando vir aquele sérvio!!! ... Grrrrrrr ... Nem sei o que lhe faço!!!


1 comentário:

águia_livre disse...

Realmente foi um azar tremendo do DI maria visto que até fez uma espectacular exibição.

Na próxima não falhará.

Não fiques triste.

Fica bem
.